O FIM DO MEU DESAFIO #100diasfelizescomavida

Share:

No dia 27 de janeiro de 2014 eu comecei o desafio #100diasfelizescomavida.

Uma ideia genial me inspirou a criar o nosso próprio desafio. Quando li sobre o projeto 100 Happy Days imediatamente pensei que essa seria uma excelente oportunidade para conhecer os meus leitores, me aproximar deles e saber um pouco mais sobre o que os fazem felizes.

Hoje, passados 100 dias, já são mais de 8 mil fotos postadas com a hashtag do projeto. Isso significa que mais de OITO MIL momentos felizes foram compartilhados em 3 meses! Não é incrível?

Uma das coisas mais bacanas foi que as pessoas realmente entenderam que esse desafio não era uma competição de fotos bonitas ou um concurso de felicidade.

Isso fez com que momentos comuns, simples e reais da vida de qualquer pessoa fossem compartilhados diariamente com muito entusiasmo.

Quando comecei, achei que fosse ser fácil, afinal, estava em Bali e tinha visitas programadas para Hong Kong, para diferentes cidades nos Estados Unidos e terminaria na Colômbia.

Para a minha surpresa, o fato de eu estar viajando não facilitou em nada essa busca diária. Foi quando eu percebi que mesmo viajando e conhecendo vários lugares novos durante esses 100 dias, a grande parte dos meus momentos felizes nada tinham a ver com o fato de eu estar viajando.

Também me fez ter ainda mais certeza de que a felicidade não é algo que acontece nas nossas vidas ao acaso. Ser feliz exige esforço, dedicação e, principalmente, autoconhecimento.

Um dos maiores aprendizados desse desafio foi conseguir olhar para os últimos 100 dias da minha vida e saber exatamente o que aconteceu em cada um deles e o que aqueles momentos significaram para mim.

Antes disso, parecia que só grandes acontecimentos mereciam ser guardados na minha memória como momentos felizes.

É claro que eu não podia deixar de fazer um balanço mais detalhado de tudo! Aí vai:

Pessoas <3

Essa era fácil! Eu sempre soube que meu namorado, meus amigos e minha família sempre fazem meus dias mais felizes.

Comida

Nunca pensei que comida me fizesse tão feliz. Confesso que deixei de postar em alguns dias porque estava muito repetitivo, mas tive vários outras refeições ou delícias que me fizeram feliz nesses 100 dias!

Trabalho

Eu sempre adorei trabalhar no blog, mas percebi que ele me faz muito mais feliz do que eu imaginava. Cada mensagem recebida, cada nova foto postada no desafio, cada curtida ou compartilhamento no Facebook enche o meu coração de alegria e isso não seria possível sem a ajuda de vocês, por isso, OBRIGADA!

Viagens

Essa foi a maior surpresa. Apenas 12 dias tinham a ver com o fato de eu estar viajando. Isso significa que eles só poderiam acontecer naquele lugar especificamente.

Casa

O desafio me fez descobrir algo que eu nunca soube. Eu gosto de ficar em casa. Gosto de ter minhas coisas arrumadas, gosto de cozinhar, gosto de conhecer o porteiro e os vizinhos. Viajar é muito bom, mas ter uma casa também é!

Não foi fácil encontrar um momento feliz todos os dias por 100 dias, mas foi extremamente gratificante chegar ao fim desse desafio, sabe por que? Porque ele me fez ter certeza do quanto eu sou feliz com a vida!

Share:

logo inbox

Assine a newsletter e receba um conteúdo exclusivo no seu e-mail!

Ao clicar em “inscrever-se”, você concorda em receber e-mails do Fê-liz com a vida e aceita nossos termos de uso, política de privacidade e cookies.